15 de Novembro de 2018

 

Centro de Excelência em Turismo




Programação

Programação em PDF (download)


 

Quarta-feira – 06 de maio de 2015

14h-18h

Minicurso pré-conferência

Designing and using task specific rating scales for speaking
Barry O’Sullivan (Roehampton University/British Council)

Auditório Haruka Nakayama
(LET antigo)

 

Quinta-feira – 07 de maio de 2015

12h-13h30

Encerramento das inscrições de ouvintes e distribuição de material

 

 

13h30-13h45

Abertura

 

Auditório do Centro de Excelência em Turismo

13h45-15h

Conferência de abertura

Testing Speaking: how innovative should we be?

Prof. Dr. Barry O’Sullivan (Roehampton University/British Council)

 

 

Auditório do Centro de Excelência em Turismo

15h-16h

Sessão especial de trabalhos em andamento

Clique para consultar

 

16h-16h30

Coffee break com sessão integrada de pôsteres

 

Auditório do Centro de Excelência em Turismo

 

16h30-18h

Sessão de comunicações 1

 

Clique para consultar

18h-19h15

Mesa-redonda 1
Políticas públicas de avaliação de proficiência e suas consequências sociais

A prova de língua estrangeira do ENEM e suas consequências sociais Sandra Gattolin (UFSCar)


O Exame Celpe-Bras e o ensino de Português como Língua Adicional
Juliana Schoffen (UFRGS)


O Programa Idiomas sem Fronteiras (IsF) e as implicações para uma política linguística
Denise Abreu e Lima (UFSCar/MEC)

 

 

 

 

 

Auditório do Centro de Excelência em Turismo

19h15

Encerramento e saída para jantar por adesão

 

 

Sexta-feira – 08 de maio de 2015

08h15-09h30

Mesa-redonda 2

Avaliação para Fins Específicos

Avaliação para fins específicos: o exame de Português para o Programa Mais Médicos para o Brasil
Leandro Diniz (UFMG)


Políticas públicas de avaliação da proficiência do professor de LE: impactos sociais e qualidade escolar
Douglas Consolo (UNESP – São José do Rio Preto)


Avaliação de proficiência no contexto da aviação: o projeto brasileiro
Matilde Scaramucci (UNICAMP)

 

 

 

 

 

 

Auditório do Centro de Excelência em Turismo

09h30-10h

Coffee break com sessão integrada de lançamento de livros

 

 

10h-12h

Sessão de comunicações 2

 

Clique para consultar

12h-13h30

Almoço


 

13h30-15h

Oficinas

 

Clique para consultar

15h-16h15

Conferência de encerramento

Oral English proficiency assessment at Purdue University
April Ginther (Purdue University)

 

Auditório do Centro de Excelência em Turismo

16h15-16h45

Encerramento

 

 


Palestrantes

April Ginther tem doutorado em Educational Linguistics pela universidade do Novo México (1994). Após concluir o doutorado, realizou pós-doutorado na Educational Testing Service, onde tornou-se Pesquisadora Associada. Atualmente, atua como Professora Associada de inglês e Diretora do Programa de Proficiência em Inglês Oral da Universidade de Purdue em West Lafayette, Indiana, EUA, onde leciona no Programa de Pós-graduação em Linguística e Estudos em Segunda Língua, e regularmente oferece dois cursos: Metodologia de Pesquisa Quantitativa e Avaliação de Proficiência. Seus interesses atuais de pesquisa incluem treinamento de examinadores de testes de proficiência oral, desenvolvimento de sistemas de pontuação automatizados para avaliação de linguagem oral, desenvolvimento, implementação e avaliação de programas universitários para a promoção da internacionalização e a aprendizagem de língua inglesa. É atualmente coeditora do periódico Language Testing.


Barry O’Sullivan interessa-se particularmente por assuntos relacionados a avaliação de desempenho, validação de exames e gerenciamento e análise de dados provenientes de exames. Lecionou por diversos anos sobre vários aspectos da avaliação de proficiência, e foi Diretor do Centro de Pesquisa em Avaliação de Proficiência (CLARe). Suas publicações figuram em vários periódicos internacionais. Seu primeiro livro, Issues in Business English Testing, foi publicado pela editora Cambridge University Press na série Studies in Language Testing in 2006. Seu segundo livro, Modelling Performance in Oral Language Testing, foi publicado por Peter Lang em 2008. Atualmente organiza outros volumes. Barry é muito atuante em avaliação de proficiência ao redor do mundo e trabalha como consultor para órgãos governamentais, universidades e centros desenvolvedores de testes na Europa, Ásia, Oriente Médio e América Central. É membro do corpo editorial de vários periódicos na área de avaliação de proficiência e linguística aplicada. Atualmente trabalha no Conselho Britânico em Londres.


 

Denise Abreu e Lima tem graduação em Letras pela UNESP, mestrado em Linguística e Língua Portuguesa pela UNESP, doutorado em Linguística Aplicada pela UNICAMP e pós-doutorado pela Purdue University, Estados Unidos. Tem formação em Inteligências Múltiplas e Tutoria Virtual pela Universidade de Harvard. É docente da Universidade Federal de São Carlos - UFSCar desde 1994. Foi coordenadora UAB da UFSCar de 2006 a 2012 e presidente do Fórum de Coordenadores UAB de 2011 a 2013. Atualmente é assessora do secretário de Educação Superior - SESu/MEC e presidente do Programa Idiomas sem Fronteiras.


Douglas Consolo concluiu o doutorado em Linguística Aplicada / TEFL - University of Reading em 1996. Possui título de Livre-Docente em Língua Inglesa pela UNESP (2004). Atualmente é Professor Adjunto - Nível III, em RDIDP, da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Publicou 33 artigos em periódicos especializados e 124 trabalhos em anais de eventos. Possui 18 capítulos de livros e 3 livros publicados. Possui 248 itens de produção técnica. Participou de inúmeros eventos especializados, no Brasil e no exterior. Orientou 21 dissertações de mestrado e 10 teses de doutorado, além de 06 trabalhos finais de pós-graduação lato sensu em Língua Inglesa, 39 trabalhos de iniciação científica e um estágio de pós-doutorado, nas áreas de Linguística e Letras. Recebeu 5 prêmios e/ou homenagens. Atua na área de Linguística Aplicada, com ênfase em Ensino Aprendizagem de Línguas Estrangeiras. Realizou estágio de pesquisa como professor visitante no CELE (Centro de Enseñanza de Lenguas Extranjeras) na Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM), com bolsa da PROPG/UNESP, de outubro a dezembro de 2012. Em suas atividades profissionais interagiu com 56 colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos. Atua como membro dos conselhos editoriais de 06 periódicos nacionais, e como parecerista ad hoc para agências de fomento, editoras e periódicos nacionais e internacionais. Em seu currículo Lattes os termos mais frequentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: língua estrangeira, formação de professores, língua inglesa, aprendizagem, ensino, interação, avaliação, EFL, teacher development e crenças.



Juliana Schöffen possui graduação em Licenciatura em Letras (2000), mestrado em Estudos da Linguagem (2003) e doutorado em Linguística Aplicada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2009). Atualmente é professora adjunta de Língua Portuguesa da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e coordenadora da Comissão Técnica do Exame Celpe-Bras. Atua no ensino e na formação de professores de língua materna e de língua adicional e desenvolve pesquisa na área de avaliação de proficiência.


Leandro Diniz é bacharel, mestre e doutor em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e é professor adjunto na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), onde atua, particularmente, na área de Português como Língua Adicional. É membro do corpo docente do Programa de Mestrado Profissional em Letras (ProfLetras) nessa mesma universidade. De setembro de 2010 a março de 2011, realizou um estágio sanduíche na Université de la Sorbonne Nouvelle (Paris III), com o apoio da CAPES. Trabalhou como professor de Português Língua Adicional e Linguística na Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA). É membro da equipe de coordenadores do Eixo de Português Língua Estrangeira do Projeto Mais Médicos para o Brasil e do Programa Português sem Fronteiras (SESu/MEC). Participou, em diversas ocasiões, da banca de correção das provas de Redação e Língua Portuguesa do vestibular da Unicamp e do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Conta, ainda, com experiência na aplicação e correção do Celpe-Bras, exame que acompanha como membro da comissão técnico-científica desde 2012. É autor de materiais didáticos de português para o Ensino Médio e para falantes de outras línguas.


Matilde Scaramucci possui graduação em Letras Português Inglês pela Universidade do Vale do Paraíba (1974), mestrado em Linguistics TESOL por San Jose State University (1980), doutorado em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (1995) e pós-doutorado pela University of Melbourne, Australia (2008). Atualmente é professora titular do Departamento de Linguística Aplicada da Universidade Estadual de Campinas. Foi colaboradora do Ministério da Educação de 1993-2006, tendo sido uma das responsáveis pelo desenvolvimento do exame para a obtenção do Certificado de Língua Portuguesa para Estrangeiros (Celpe-Bras). Sua área principal de pesquisa é avaliação em contextos de ensino/aprendizagem de línguas, tanto materna, como estrangeira e segunda (Inglês e Português para estrangeiros). Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2 Diretora do Instituto de Estudos da Linguagem no quadriênio 2011-2014 e editora-chefe da revista Trabalhos em Linguística Aplicada. é membro da Comissão Técnico-científica do exame Celpe-Bras (2012-atual).


Sandra Gattolin é mestre e doutora em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas, instituição em que desenvolveu sua pesquisa na área de ensino-aprendizagem de segunda língua e língua estrangeira. Há quinze anos no ensino superior, é atualmente professora adjunta do Departamento de Letras da Universidade Federal de São Carlos, onde ministra as disciplinas de Língua Inglesa, Leitura em Língua Inglesa, Linguística Aplicada e Metodologia de Ensino de Língua Inglesa. Atua no Programa de Pós-Graduação em Linguística, da UFSCar, onde ministra a disciplina de Abordagens de Ensino de Línguas e Avaliação e Aprendizagem de Línguas. Foi presidente da Associação dos Professores de Língua Inglesa do Estado de São Paulo nos períodos de 2005 a 2007 e 2009 a 2011. Suas áreas de interesse em pesquisa são o ensino-aprendizagem-avaliação em língua estrangeira, o ensino de inglês para fins específicos e a formação de professores de língua estrangeira.


UNASP-EC
2009-2013 epplebrasil.org Todos os direitos reservados